domingo, agosto 27, 2006

Crónicas Nocturnas # 89

Na quinta lá voltei á minha residência semanal no ADN, que esteve bastante animada (aliás, acho que foi das noites mais animadas de sempre desde que lá comecei a ir ás quintas). E voltei também a ter uma ajudinha do Abel...eheheh. Como habitual, comecei numa toada mais Disco, com algum Punk-Funk á mistura, para depois se enveredar por ondas mais Electro, Acid, Minimal...Um muito obrigado a quem tem aparecido por lá nestes últimos tempos e se tem divertido...espero que continuem a gostar. Em termos de coisas que passei, recordo-me de ter passado coisas como Primavera de Tullio Piscopo, Midnight Man de Flash & The Pan, Fashion de David Bowie, a remistura de Harvey ao Music In My Mind de Lindstrom & Christabelle, Starlight dos Escort, a remistura de Prins Thomas ao Close Shave do Tobby Tobias, a remistura de Todd Terje ao Klaws Against Knifes de Fox n Wolf, Put No More dos Sassomatic, a remistura de Jesse Rose ao Next Stop Chicago de Rekid, a remistura de Trick & Kubik ao From Disco To Disco dos Whirlpool Productions, Elkina de Goldfish Und Der Dulz, Future de Oxia, a remistura de Williams ao Electric de Eyerer & Chopstick, a remistura de Isolée a What You Say Is More Than I Can Say de Villalobos, Queen Lucid de DJ T vs Booka Shade, 1000 Miles de Martin Landsky...era suposto finalizar com este tema do Martin Landsky, mas o pessoal tinha curtido tanto, que começaram a chatear a cabeça ao Zé Pescador para me deixarem passar mais uma malha, e assim foi...eheeheh...e acabei com o Jupiter Room de Digitalism, que é sem dúvida um dos grandes temas deste Verão.

Na sexta comecei a noite no La Bohémme, que estava agradável, como sempre. Já lá não ia há uns tempos, e decidi ir matar saudades. Nessa noite não havia DJ, mas o Paulo, o dono, pôs a tocar cds de Smashing Pumpkins e de Bauhaus enquanto eu lá estive.

A seguir fui para o Baco, onde já se encontrava o Papal a passar umas sonoridades mais "chill-out". Por lá encontrei o Mário João, o Miguel, a Sónia, a Susy,o Marco, o Simões, o Pedro Tiago, o Raça, o Samora, etc...só pessoal amigo...eheheh. O Baco continuou a ficar animado, e o Papal foi progredindo para sonoridades mais Progressive.

De seguida estive no Tribux, onde se ouvia um House porreirito...não muito a minha onda, mas também não incomodava.

A seguir fui para o ADN, que já estava a começar a ficar animado, com o Simões aka Mr. Simon ao comando da cabine de som. Também por lá encontrei o meu irmão...eheheh. ADN muito animado, com o Simões a passar bom som no geral...coisas como You Work You LIve To Party dos Think Twice, as remisturas de Playgroup tanto ao Dance To The Underground dos Radio 4 como ao Bucci Bag do Andrea Doria, a remistura de Freeform Five ao I Feel Space de LIndstrom, a remistura de DFA ao Dare dos Gorillaz, a remistura de Jesper Dahlback ao You Gonna Want Me e o Good As Gold do Tiga, entre outras coisas de que já não me recordo...Gostei.

Saído do ADN, estive na conversa com pessoal amigo, mas entretanto apareceu um grupo de pessoal que tinha sido assaltado ao levantarem $$$ no multibanco de Águas de Sado, tendo-lhes sido atirado "maze" aka gás pimenta para a cara...pois é pessoal, cautela, que "eles andem aí".

No sábado comecei a noite no Baco, que ainda estava calmo, com o Mondim ao comando da cabine de som, a passar sonoridades mais viradas para o Dub/Reggae, World Music e Latin...muito "cool".

A seguir fui ao Tasco do Kaneco, onde estava o Abel a passar som, numa toada mais Funk, com uns pózinhos de Disco e Jazz pelo meio. O Kaneco estava muito bem composto, com um ambiente bastante bom, a condizer com as sonoridades passadas. Lá mais para o fim da noite apareceu lá o Pantera, vindo de um casamento, e ainda passou umas malhitas lá pelo meio, também não destoando da toada mais Funk imposta pelo Abel...eheheh. Reconheci coisas de Bobby Byrd, James Brown, Positive Force, Sharon Redd, Eumir Deodato, Roy Ayers, entre outros...Caso para dizer que o "Funk é mem`bom".

A seguir dirigi-me para o Clube do Rio, pois estava curioso em ouvir a Joana Pinho..a casa estava bem composta, ambiente porreiro, embora um pouco "pop e pseudo-fashion" a mais para o meu gosto (mas também já esperava isso...eheheh). A primeira parte do set não fez nada o meu gosto, num registo mais vocal e tribal, que não são nada a minha onda. Na 2ª parte do set já passou umas coisas mais ao meu gosto, embora coisas mais acessíveis, como a "bootleg" Dr. Pressure (que mistura o tema Dr Beat dos Miami Sound Machine com o Drop The Pressure do Mylo), a remistura de Linus Love ao In Your Arms do Mylo, a remistura deste ao No More Conversations dos Freeform Five, a remistura de Timo Maas ao Doom`s Night dos Azzido Da Bass, tendo finalizado o set com o tema Body Language dos Booka Shade. A seguir terminram a noite o residente, o João Moço, em conjunto com o Paul B, numa toada mais House. Não se esteve mal. E a decoração da parte de baixo está gira, com um "feeling" muito 70s...parabéns Susana, tens mesmo jeitinho para a coisa...eheheh. O som em si é que podia estar melhor, e aquela mesa de mistura não lembra a ninguém...mal por mal, mais valia uma Behringer. Acho que devem de começar a ter mais cuidado com estas coisas, que são muito importantes (embora a mentes mais leigas pareça que não...). E a boa impressão com que tinha ficado do "staff" continua a manter-se.

p.s. Não esquecer, hoje entre as 21:00 e as 00:00 horas, Setúbal Dance Night _ELECTRÓNICO_ , comigo e com o João Moço, Paul B, Pedro Monchique e Ana Carina, na Rádio Vox de Setúbal, 100.6 , ou ouvindo através da net em http://ww.radio.com.pt/APR.ROLI.Portal/Radiolist.aspx

2 comentários:

Cordelia disse...

(em relação ao desfecho da noite de sexta) basta mesmo uma coisa assim para acabar em muito mal uma noite porreira.. o puto ainda (hoje é terça) tem a cara vermelha, andou dois dias de olhos inchados e tudo isto para sete putos mitras experimentarem o gás e lhe levarem 10 euros.. haja paciencia para tanta idiotice junta.

Electrobot disse...

Acredita, Cordélia. Situação mesmo muito triste. O pessoal tem de começar a ter mais cuidado com estes tipos de filmes.