sexta-feira, dezembro 26, 2008

Cardápio Nocturno

Sexta, 26 de Dezembro :

- Loads Of DJs @ Baco

- Abel Santos & Rui "Ratto" @ Tasco do Kaneco

- Pedro Lontro @ Art Kaffé

- Pedro Viegas @ ADN - The Groove Is Back # 10

- DJ Benvinda, Bass Kalash & Sonic Fuse @ Clubíssimo

- Suki, Sir, DJ JP, Fabioh 3du @ CLUBOUT




Sábado, 27 de Dezembro :

- Mondim @ Baco

- Abel Santos & Rui "Ratto" @ Tasco do Kaneco

- Pedro Viegas @ Bombar

- Pedro Lontro @ Art Kaffé

- Zé Pescador & Mário João @ ADN

- Rogério Martins & DJ JP @ Clubíssimo/CLUBOUT

10 comentários:

Anónimo disse...

Só para fazer publico a minha ida ao club-in hoje sexta-feira que contrariou o valor indicado no flyer em vez de tentarem cobrar 5 euros pediram 10 euros argumentando que só tinham cartoes desse valor. Enfim só não mandei eles enfiarem os cartões pelas c... acima porque não gosto de descer ao nivel destes seguranças com cabeça mas sem miolo. Boas Festas a todos e viva Setúbal!

Anónimo disse...

club in no seu melhor...

Anónimo disse...

Devem pensar que o Club-In é o LUX para cobrar 10 euros. Abram os olhos isso não passa de um baracão à beira-rio sem condições nenhumas e com muito mau gosto musical. Ao menos no LUX quando cobram 12 euros é porque vem um produtor/dj estrangeiro lá tocar e os 12 euros não significam só uma bebida. A gerencia deste espaço tem que repensar as regras aplicadas pelos seguranças, se são eles que realmente mandam. Cada vez tenho menos pica em sair à noite nesta cidade, vou um pouco ao baco e depois casa, mas ao ouvir casos destes ainda com menos vontade fico de sair até mais tarde. Por favor não estragem mais o que já não tem ponta por onde se pegue, obrigado.

Nuno Páscoa disse...

Os anos passam, mas os erros cometidos são quase sempre os mesmos, dando a impressão que ninguém aprende nada nesta cidade. São erros tão crassos, que estão à vista de todos, mas mesmo assim insiste-se neles. Vem-me neste momento à cabeça uma noite em que o Jiggy esteve a passar som no Ice, lugar que nos últimos tempos se chamava Clube do Rio. Festa da autoria desse grande personagem (felizmente desaparecido), o dj Kingdragon, e onde se chegava à porta e diziam-nos que o consumo mínimo eram 10 euros. Ora chegada a hora de pagar o cartão (e depois de uma fila muito anárquica, em que as pessoas quase se espancavam uns aos outros, para que lhes pagassem o cartão), era-nos dito que pagávamos 10 euros, mais as bebidas que tínhamos consumido, ou seja, tal como eu, a esmagadora maioria das pessoas pagou 20 euros, quando pensava que ia pagar 10. Como podem ver, esta má-fé por parte de quem gere casas já vem de longe, não é um fenómenos recente. O que se passou na sexta no Clubíssimo é uma continuação desse tipo de atitudes.

Custa muito assistir à degradação de uma noite que até já foi bem porreira, e à degradação de sítios aos quais sempre gostei de ir, e à repetição cumulativa de erros por parte de quem gere casas. Por essas e por outras é que quando saio aqui em Setúbal não me aventuro muito para além do Baco (parabéns Eduardo, que tens sabido manter a casa, e quem aqui te acusou de ser mau gestor deve de andar a dormir), Kaneco, Art Kafé e ADN (agora, ao que parece, vai entrar em obras, e espero que entre numa fase crescente).

Voltando ao Clubíssimo, não percebo a cena de ter 3 residentes, e de estarem sempre a passar som, e de ainda por cima, ao que me tem constado por aí, de usarem os djs convidados como "warm-up" para os mesmos residentes, quando o intuito seria exactamente o contrário. Mas eu percebo, os djs residentes só têm música para "peak time", custa-lhes estar a passar som para uma pista vazia, mas se não têm nem música e/ou nem cultura musical para o início de noite, porque é que foram escolhidos para residentes?

Electrobot disse...

Sim, amigo Nuno, o ADN vai novamente estar encerrado no próximo fim-de-semana (dias 2 e 3 de Janeiro), para acabar as obras (espero que resolvam definitivamente aquele problema na casa de banho dos homens...quem lá esteve na véspera de Natal e neste sábado sabe do que falo...).

Electrobot disse...

E também estive nessa tal festa no Ice...também eu tive de largar 20 euros, que ainda hoje os choro...a música não foi nada de espantoso, o ambiente estava um bocado pesado, e ainda me lembro do filme que foi pagar o cartão...só malta a meter-se à frente, e malta que quase chegou a vias de facto, e depois virem dizer-nos que os tais 10 euros de consumo mínimo eram só o direito de entrar, que as bebidas pagavam-se á parte...enfim, uma noite para esquecer, que agora vieram-me relembrar...

Anónimo disse...

Devo dizer k tb eu estive nessa festa do ICE mas a mim o King Dragon teve k dar o guito....k eu nao vou nas touradas desse moinas. Edu, sabado até gostei da noite em Setubal. Estive na tua casa e depois como o ADN tava fechado fui ao S.O.B. (Sons of a Beach) onde em tempos foi o Labutes. Malta nova mas gira, bom ambiente, imperial a 1€ sem obrigação de consumo, musica fixe.....e vocês não avisaram k havia esse bar. Bom ano p tds vcs....Abr
Pita

Electrobot disse...

Pois...já me tinham falado disso, mas ainda não tive a oportunidade de lá ir, e não gosto muito de falar de sítios aos quais ainda não fui...Que tipo de música passam por lá, mesmo?

Anónimo disse...

caro amigo ha muito que nao vais ao clubout porque desde os laurenz factor que os residentes dessa casa tocam em primeiro nao estas com atençao ou entao estas sempre na rua.
bom ano para todos .

Anónimo disse...

Viva, curiosamente até organizei na altura esse evento com o jiggy pela 3ªvez (ice), no entanto nao correu conforme o esperado, derivado a várias razões;

1º Infelizmente quem geria a casa na altura fez trafulhice, não cumprindo o acordado no contracto ( Vitor Gaio ), ficando o cliente prejudicado, pagando o dobro do que supostamente deveria ser.
Ainda hoje estou em falta, com valores que nao foram entregues.

2º As restantes casas com potêncial para acolher o Ricardo 'Jiggy' , tambem eram geridas por incompetentes e mafiosos (ex Clubíssimo), na altura um tal de Alexandre Lucas a insistir que os cartoes de entrada teriam de ser magnéticos...


Enfim, apesar de tudo nao me arrependo de nada!

Cumprimentos a todos